Pular para o conteúdo

Viver o hoje: A verdade que ninguém nunca contou a você

Quantas vezes você se pegou pensando em tudo aquilo que deseja viver e se dá conta de que nenhum passo foi dado pois está focado no futuro. Quero lhe mostra que você pode estar estagnado e precisa viver o hoje.

Como viver o hojeOnde você vive? No passado? No presente? Ou no futuro?

O que é possível fazer ontem? O que é possível fazer hoje? E o que possível fazer amanhã?

Você tem vivido os sinais da ansiedade? Refluxo, azia, gastrite, roer unhas, insônia, compulsões variadas, mal-estar generalizado, sudorese, síndrome do pânico, medos, pavor, incertezas, etc.

A verdade é que o mundo anda ansioso. Eu e você estamos mais ansiosas. A ansiedade tornou-se uma doença crônica desta era.

  • Observe ao seu entorno, veja e sinta se o ambiente em que você está vivendo hoje gera bem-estar ou estresse.

  • Como você está lidando com esse ambiente? De maneira positiva ou negativa?

A escolha de como interpretar esse ambiente é sua e isso depende da sua formação emocional, e sua conexão com o seu grau de amor próprio e de autoconfiança. Pare para pensar sobre isso!

O autoconhecimento, conhecer a sua história de vida e ter consciência de como você se tornou a pessoa que é hoje é fundamental para lidar com a ansiedade criada pelo sistema de críticas, cobranças e exigências. O que digo aqui é sobre a sua capacidade de realmente conhecer a sua mente.

Não só os fatores externos são os responsáveis pela sua ansiedade. Os fatores internos também são. A cobrança interna exagerada e o controle também contribuem.

A ansiedade nos pertence. Ela faz parte de todo ser humano. Ela é um caminho que desenvolvemos quando não conseguimos amor próprio, um amor incondicional ou autoconfiança. A ansiedade é herdada, aprendida na nossa infância e também ao logo da nossa vida quando sobrevivemos.

Convido-lhe a pensar: A base da sua ansiedade são seus pensamentos, então responda para si mesmo e de preferência de frente a um espelho:

  • Qual história você tem contado a si mesmo?

  • E nesta sua história, que tipo de personagem você é? O vilão ou o herói? O sofrido ou o corajoso?

  • Na sua história, você tem medo de errar? Medo da opinião das pessoas? Como é a sua autoconfiança?

  • Como é a sua aceitação? E o seu amor próprio? Você tem medo de se expor?

  • Quais são os seus medos?

No vídeo e texto de hoje falo sobre você ser mais observador de si mesmo e compreender essa ansiedade que te pertence e que deve estar sobre o seu controle.

Trabalhe os seus sentimentos para equilibrar e entender a sua ansiedade.

Você não nasceu ansioso. Você se tornou ansioso! Quando você nasceu, precisava apenas de cuidados, afeto e atenção. Quem o criou é ou era ansioso? De quem você copiou a ansiedade?

Que tal você considerar:

PREFIRA VIVER O HOJE

Prefira viver no agora

Quantas vezes você não se pega pensando em tudo aquilo que deseja fazer e viver? Nos sonhos que deseja realizar, na casa que quer morar, no livro que quer terminar de ler, no emprego que tanto sonha, mas quando se dá conta, nenhum passo foi dado, pois o excesso de pensamentos ou apenas ao olhar para seu estado atual e para seu estado desejado, você visualiza apenas que há muito a ser feito e não que tudo deve partir da mais simples atitude. Dessa forma, você cai em um estado de estagnação e os inúmeros pensamentos junto da frustração desencadeiam a ansiedade, a qual é um dos grandes sintomas daqueles que vivem focados no futuro.

RESPIRAR COM ALEGRIA

RESPIRAR COM ALEGRIA

Já reparou que nossas atividades vitais possuem um poder que vai além daquilo que estamos acostumados a ouvir? Nossa respiração, por exemplo, pode ser mais do que mais uma função para realizarmos nosso metabolismo e o exercício de viver, mas também de pensar com qualidade. Experimente por um momento concentrar-se em sua respiração. Inspire profunda e lentamente, deixe o seu pulmão inflar e repita esse procedimento mais algumas vezes. Nesse simples exercício, você deu a si a oportunidade de oxigenar mais o cérebro, algo que muitas vezes pode ser a solução para aquela angústia provocada pela ansiedade.

RESSIGNIFIQUE

RESSIGNIFIQUE

Nossos comportamentos são resultados de muitos de nossos pensamentos, sejam os conscientes ou inconscientes, e muitos desses nos levam a atitudes que nos impulsionam a bons resultados, assim como há os que nos levam ao arrependimento ou fracasso, já que sem acreditar que podem haver novas possibilidades, insistimos em mantê-los, crendo que uma hora nos levarão ao acerto. E se houvesse um meio onde você pudesse experimentar o diferente e que a ansiedade perdesse forças nos momentos em que geralmente se manifesta? É possível e a atitude será crucial para que ele seja validada, e assim ressignificarmos. Mas o que é ressignificar? Nada mais é que você olhar para determinada situação e mesmo que tenha dado errado, você conseguir trazer o que houve de bom naquele momento e dar maior ênfase a ele.

Convido você a descobrir como domar o mal do século e obter bons resultados.

Fez sentido para você?

Tenha um dia de luz!

Ethel Peternelli